12 de fev de 2011

Gatos Encantados – E os meus olhos ficam sorrindo...

Hoje, 12/02/11, fomos ao Parque.

Um calor absurdo, um sol absurdo e uma saudade absurda dos nossos gatinhos!

Dessa vez, a Noêmia não pode ir... (Nonô, torcendo... torcendo... rs)
Sabemos o quanto isso custou para ela. Pois acho que a Noêmia já é dependente química dos Encantados, assim como nós.

Porém, hoje foi um dia especial: A Helena, que passou as últimas semanas empenhada em ajudar os animais da Região Serrana, foi ao Parque e levou a mãe dela, Silvia, para conhecer os Encantados.

E ainda encontramos o Américo, marido da Anna – que adotou seis cães de Teresópolis, para entregar umas encomendas do Bazar Encantado.
Anna, agora só falta você ir lá!

Bem... fomos primeiro na Cidade Fantasma pra dar uma geral no Cafofo e reabastecer o comedouro.
Pelas nossas contas, são uns cinco ou seis gatos se alimentando lá. O consumo foi acima de três quilos de ração. Acreditamos que sejam a Cor-de-Rosa, a Fera do Buraco e a Escaminha com seus filhotes.
Mas não vimos nenhum gato ali.

Então, fomos para o Parque.

Nossa primeira “paradinha” foi na Favelinha do Bebê. Claro que chamamos ele e nada...
Dessa vez, ele não estava nem embaixo do poste “esperando uma eternidade” pra ganhar carona... Aí, o coração aperta...

Chegamos no Reduto e vimos os gatos de sempre e nada do Bebê.

Eu já estava saindo pra ir atrás dele, quando a Silvia, mãe da Helena, perguntou: “É um preto e branco?”
E a gente respondeu em coro: “ÉÉÉÉÉ!!!”
E ela disse: “Está vindo ali!”.

“Meu coração, não sei porque, bate feliz quando te vê... E os meus olhos ficam sorrindo...”

Nossa... como dói o coração essa incerteza de todos os dias!
Peguei Bebê no colo e dei muitos beijos nele! Sônia também, claro! E a Helena e a Silvia também... Bebê é “beijável e apertável”... rs

Enfim, todos os gatos estavam lá! (não sei até quando meu coração vai suportar tantos altos e baixos... rsrs)

Filhota da Mamãe, Mamãe da Filhota, Gooordo, Pancinha, o Pretinho que só come ração seca, Linda Irmã, Absoluta Sophie, Sialatinha, Sialatona, Patynho e o Bebê... Todos lá...

Até a Trairinha, que, se não fosse castradinha, diria que estava com TPM, apareceu por lá e brigou com o Bebê e com a Absoluta Sophie!
Acho que ela tem ciúme...

Trairinha, a TPM com patas

Eu e meus ajudantes fomos preparar o Banquete, embalados pela sinfonia de miados aflitos e exigentes. Tentei ser rápida, mas isso é Missão Impossível com a ajuda que recebo!

Ajudantes de "cozinha" (não resisti - Sônia - e fiz uma maldadezinha com o bebê)
Banquete servido, percebemos que a Absoluta Sophie, em sua majestade, não se mistura mais no Banquete Comunitário.
Fica deitadinha, esperando ser servida de Whiskas Sachê por nós, suas súditas fiéis.
Mas, como todos os nascidos com sangue azul, é benevolente e divide seu petisco com a Sialatinha, com o Gooordo e com o Bebê!

Tudojuntomisturado
Estava bom, não é, Linda Irmã?
Silvia acariciando a Sialatona no único momento em que ela se deixa acariciar
Sophie, a Absoluta, e seu sachê

Seu sachê? Nada! Ela é um amor e divide com todos!

Até o Gooordo apareceu na festa do sachê

Patynho também se deliciou...

Papou, Bebê?
Sophie, a Absoluta, repousando

Hoje, vimos algo inusitado... rs

Sempre nos preocupamos em colocar água fresca para eles. Porém, tinha um reservatório de água lá e os gatos já descobriram que “alcançam” beber água em pé! Coisa mais bonitinha do mundo!

Que coisinha mais cúti cúti!!!!!!!!!!!!! Esse é o gatinho que só come ração seca...
... Patynho
Mamãe da Filhota também se esbaldou (e olha que tínhamos acabado de colocar potinhos com água fresca! Vai entender...)

Sônia ficou preocupada com a possibilidade de algum gato se afogar no latão de água... porém, não é tão fundo e tão grande para que corram esse risco. No máximo, seria só um belo banho, no caso de algum entrar no reservatório... rs

Banquete servido, fui preparar o Banquete da Colônia Tigrada.
Recebi ajuda de novo da Filhota!


E fomos levar o petisco para os Tigradinhos.
Não levamos o Bebê. Deixamos ele na sombra, dormindo de pança cheia no Reduto. O calor estava quase insuportável e achamos melhor deixá-lo lá mesmo.

Apareceram quatro gatos lá e a Trairinha, que foi comer mais um pouquinho (por isso está tão gordinha!)





Ficamos um pouquinho por ali e voltamos para o Reduto.

Vimos o lugarzinho preferido do Pretinho que só come ração seca, onde ele fica deitadinho, bem onde o “vento faz uma curva”... É mais fresquinho mesmo e bem pertinho do Reduto.

Aqui, onde o “vento faz uma curva”, é onde o Pretinho que só come ração seca mora

A Mamãe da Filhota estava deitada fora do Reduto também... Na entrada dos banheiros desativados, que tem chão de piso frio... Era o calor...

Mamãe da Filhota procurando um cantinho fresco

Hoje, coloquei minha bolsa no chão para a Filhota. E ela não se fez de rogada... Babou a bolsa toda e ficou um tempão deitadinha em cima dela... Coisa mais linda!

Filhota em momento Baba Baby

Ficamos mais um pouco no Reduto, curtindo a companhia encantada dos nossos queridinhos e nos preparamos para levar o Banquete dos gatos da Frente do Parque.

Hoje não teve pic-nic. Sem a Noêmia, não tem graça, né?

Quando estávamos saindo com o carro, Bebê se levantou do seu cantinho, embaixo do equipamento de prevenção de incêndio, e foi se dirigindo para a sua “morada”, que já não sabemos mais onde é... Bebê só fica no Reduto enquanto estamos lá, o que nos deixa emocionadas!

Na Frente do Parque, só vimos uma das gatinhas (não deu pra ver qual era) correndo e subindo numa janela. Sempre temos notícias do Clube da Luluzinha pelo nosso Anjo da Guarda, Gilson. Por isso, não ficamos aflitas por não ver os gatos de lá.
Deixamos o Banquete delas servido pra quando elas quiserem comer...

Já no Clube do Bolinha, estavam o Branquinho, cada dia mais lindo e carinhoso, o Júnior, cada vez mais afável e a Cabeçã, cada dia mais gorda!
Atacaram o Banquete com vontade!
Eles adoram o Banquete e nós adoramos que eles adorem o Banquete... rs

Assim encontramos o Branquinho... dormindo como um anjinho!
Júnior - para quem não se lembra, esse foi o primeiro gato que nos recepcionou no parque


Finalmente, o Júnior se animou com o banquete
Branquinho e sua interrogação
Todos papando! Coisa fofa!
Se a Cabeçã não fosse castrada, juraríamos que ela está prenha! É excesso de gostosura, mesmo!

E esse foi o nosso dia encantado...

Dia encantado com direito a garça e tudo!!!!!!!!!!!

Obrigada, Helena, pela ajuda e por levar a sua mãe para conhecer os Gatos Encantados. Isso nos deixou muito honradas.

6 comentários:

cris disse...

Mas que esfregação da Filhota naquela bolsa! kkk Cada dia ela me surpreende rs

Bart Budeguinha disse...

Buáaaaaaaaaaaaaaaaa...eu não fui :(
Mas vou no próximo sábado :)

Olhando as fotos,deu para matar um pouquinho a saudade...mas só um pouquinho.

Fiquei feliz de ver que as visitas ficaram felizes...esses pequenos são a forma mais pura de felicidade.

Saudade demais...até sábado...se Deus quiser.

Bjs em todos...peludos e pessoas...Bart manda lambeijos :)

Maritza disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maritza disse...

"...E pelas ruas vão te seguindo,
Mas mesmo assim foges de mim."

Como sempre,tudo muito BOM!
Parabéns por mais um dia ENCANTADOR!

Silvia disse...

O prazer a graça foram meus, porque saber que existe gente com tanto amor a ponto de dividir isso com animais que são puros e só nos pedem uma coisa, amor, e isso, essas duas que conheci ontem, tem de sobra. Aprendi uma grande lição: nunca se tem tão pouco, que não possa ser dividido com alguém. Amei vocês.

Angela Belluomini disse...

Silvia,
Nós também adoramos a sua visita!
Sua filha, a Helena, é uma menina muito querida. E agora, sabemos o porque... rs
Ficamos emocionadas com o fato da Helena ter levado você no Parque.
Pois para nós, os Gatos Encantados são uma parte muito importante em nossas vidas e saber que que eles também são importantes para outras pessoas, nos emociona.
Muito obrigada pela visita. Ficamos honradas, sim!
Bjs