25 de mai de 2008

Nova Rifa!!!!! ENCERRADA!!!!!!!!!!!!!!!! Parabéns Felipe!

SAIU O RESULTADO!!!!

1 o prêmio Extração n. 04249 da Loteria Federal em 07/06/2008

19.755

Quem ganhou a colcha foi o Felipe Galvão, que comprou a rifa com a Juliana, amiga do projeto Gatos Encantados.

O Felipe escolheu a seqüência 151, que continha a centena vencedora!

Seqüência 151 - 751 752 753 754 755 - Felipe Galvão

Independente de ganhar ou não o prêmio, o importante é que todos os que participaram da rifa, seja comprando uma seqüência ou ajudando na divulgação, estão ajudando a dar continuidade ao projeto.

Assim que a colcha for entregue, pediremos que o Felipe nos envie uma foto bem bonita!!!!!!!!!!!

OS GATOS ENCANTADOS AGRADECEM!!!!!!!!!!!!!

O SORTEIO SERÁ DIA 07/06 - SÁBADO - PELA LOTERIA FEDERAL E PODE SER CONFERIDO AQUI.

Muito obrigada a todos que ajudaram comprando rifa, divulgando, fazendo doações ou mesmo dando o apoio moral tão necessário.

Como vocês sabem, estamos tendo que alternar as castrações dos gatinhos entre o Posto da Prefeitura (grátis) e o veterinário particular (preço especialíssimo). Então, além de dinheiro para alimentação (que já estava nos planos e, agora, está garantida por 6 meses) estamos tendo que nos virar para pagar as castrações.

Então, Lisete Gomes (muito obrigada, querida!) nos ofereceu uma linda colcha indiana bordada para fazermos uma rifa. Esta foto foi enviada pela Lisete e a Top Cat Model é sua gata Flôr.



A rifa é numerada de 000 a 999, com 1000 números dispostos em duzentas seqüências de cinco números consecutivos, ou seja: ao comprar uma seqüência, no valor de cinco reais (R$ 5,00), você terá direito a cinco números para concorrer ao prêmio.

O sorteio será feito pela Loteria Federal; o número vencedor (que estará dentro de uma seqüência) será definido pela centena do primeiro prêmio.

Por exemplo: se for sorteado, no primeiro prêmio, o numero 16.318 o vencedor será o número 318, que está na seqüência número 64. O vencedor, então, será aquele que escolheu esta seqüência. Se o número sorteado estiver em uma seqüência não vendida, será considerada a centena do segundo prêmio da Loteria Federal e assim sucessivamente até o quinto prêmio. Se, ainda assim, não houver ganhador, passará a valer o sorteio da Loteria Federal seguinte.

Todo o valor arrecadado será revertido para as castrações e alimentação dos gatinhos encantados. Para participar da rifa é simples! Escolha a(s) sequência(s) e mande um e-mail para gatosencantados@gmail.com assim que fizer o depósito do valor referente ao número de sequências escolhidas, informando os dados deste depósito. Você receberá um e-mail com a confirmação.

Ainda não é possível definir a data do sorteio, pois dependerá da venda das seqüências. A data será divulgada neste blog com, pelo menos, uma semana de antecedência.

O depósito pode ser feito nas agências da Caixa Econômica Federal ou lotéricas de todo o Brasil.

Banco: Caixa Econômica Federal

Agência: 1650

Operação: 013 (poupança)

Conta no: 448-0

Titular da conta: Sônia B. S. Waldheim

Escolha sua seqüência e boa sorte!

Seqüência 001 - 001 002 003 004 005 - Lêda Bittencourt
Seqüência 002 - 006 007 008 009 010 - Vera Gomes
Seqüência 003 - 011 012 013 014 015 - Vera Gomes
Seqüência 004 - 016 017 018 019 020 - Deize Mara
Seqüência 005 - 021 022 023 024 025 - Vera Gomes
Seqüência 006 - 026 027 028 029 030 - Vera Gomes
Seqüência 007 - 031 032 033 034 035 - Vera Gomes
Seqüência 008 - 036 037 038 039 040 - Vera Gomes
Seqüência 009 - 041 042 043 044 045 - Vera Gomes
Seqüência 010 - 046 047 048 049 050 - Lêda Bittencourt
Seqüência 011 - 051 052 053 054 055 - Vera Gomes
Seqüência 012 - 056 057 058 059 060 - Vera Gomes
Seqüência 013 - 061 062 063 064 065 - Vera Gomes
Seqüência 014 - 066 067 068 069 070 - Ana Paula Carvalho
Seqüência 015 - 071 072 073 074 075 - Vera Gomes
Seqüência 016 - 076 077 078 079 080 - Deize Mara
Seqüência 017 - 081 082 083 084 085 - Vera Gomes
Seqüência 018 - 086 087 088 089 090 - Deize Mara
Seqüência 019 - 091 092 093 094 095 - Lauro
Seqüência 020 - 096 097 098 099 100 - Claudia Vieira
Seqüência 021 - 101 102 103 104 105 - Claudia Vieira
Seqüência 022 - 106 107 108 109 110 - Lauro
Seqüência 023 - 111 112 113 114 115 - Thereza Moraes
Seqüência 024 - 116 117 118 119 120 - Sônia Caldas
Seqüência 025 - 121 122 123 124 125 - Ione Waldheim
Seqüência 026 - 126 127 128 129 130 - Glauce
Seqüência 027 - 131 132 133 134 135 - Aurea Wiese
Seqüência 028 - 136 137 138 139 140 - Rafaella Michelly
Seqüência 029 - 141 142 143 144 145 - Marcia Quarti (CL)
Seqüência 030 - 146 147 148 149 150 - Dayse Santiago
Seqüência 031 - 151 152 153 154 155 - Deize Mara
Seqüência 032 - 156 157 158 159 160 - Vera Gomes
Seqüência 033 - 161 162 163 164 165 - Mauro Rossoni
Seqüência 034 - 166 167 168 169 170 - Lêda Bittencourt
Seqüência 035 - 171 172 173 174 175 - Neyle Rossoni
Seqüência 036 - 176 177 178 179 180 - Vitors Grandiosos
Seqüência 037 - 181 182 183 184 185 - Vitors Grandiosos
Seqüência 038 - 186 187 188 189 190 - Vera Gomes
Seqüência 039 - 191 192 193 194 195 - Lêda Bittencourt
Seqüência 040 - 196 197 198 199 200 - Patrícia Aguilar
Seqüência 041 - 201 202 203 204 205 - Patrícia Aguilar
Seqüência 042 - 206 207 208 209 210 - Maria Ercilia
Seqüência 043 - 211 212 213 214 215 - Maria Ercilia
Seqüência 044 - 216 217 218 219 220 - Victor TM
Seqüência 045 - 221 222 223 224 225 - Victor TM
Seqüência 046 - 226 227 228 229 230 - Eliz Lima
Seqüência 047 - 231 232 233 234 235 - Faride
Seqüência 048 - 236 237 238 239 240 - Gustavo (CL)
Seqüência 049 - 241 242 243 244 245 - Faride
Seqüência 050 - 246 247 248 249 250 - Anninha
Seqüência 051 - 251 252 253 254 255 - Thereza Falcão
Seqüência 052 - 256 257 258 259 260 - Thereza Falcão
Seqüência 053 - 261 262 263 264 265 - Thereza Falcão
Seqüência 054 - 266 267 268 269 270 - Thereza Falcão
Seqüência 055 - 271 272 273 274 275 - Thereza Falcão
Seqüência 056 - 276 277 278 279 280 - Thereza Falcão
Seqüência 057 - 281 282 283 284 285 - Thereza Falcão
Seqüência 058 - 286 287 288 289 290 - Thereza Falcão
Seqüência 059 - 291 292 293 294 295 - Thereza Falcão
Seqüência 060 - 296 297 298 299 300 - Thereza Falcão
Seqüência 061 - 301 302 303 304 305 - Hermes (CL)
Seqüência 062
- 306 307 308 309 310 - Hermes (CL)
Seqüência 063 - 311 312 313 314 315 - Eliz Lima
Seqüência 064 - 316 317 318 319 320 - Hermes (CL)
Seqüência 065 - 321 322 323 324 325 - Luiz Oliveira (CL)
Seqüência 066 - 326 327 328 329 330 - Fátima Kimus
Seqüência 067 - 331 332 333 334 335 - Santiago
Seqüência 068 - 336 337 338 339 340 - Jamile (CL)
Seqüência 069 - 341 342 343 344 345 - Lêda Bittencourt
Seqüência 070 - 346 347 348 349 350 - Lêda Bittencourt
Seqüência 071 - 351 352 353 354 355 - Stella Dantas
Seqüência 072 - 356 357 358 359 360 - Sônia Caldas
Seqüência 073 - 361 362 363 364 365 - Ana Paula Cosenza
Seqüência 074 - 366 367 368 369 370 - Marcus Firmino
Seqüência 075 - 371 372 373 374 375 - Hermes (CL)
Seqüência 076 - 376 377 378 379 380 - Cristina Santos
Seqüência 077 - 381 382 383 384 385 - Gustavo (CL)
Seqüência 078 - 386 387 388 389 390 - Hermes (CL)
Seqüência 079
- 391 392 393 394 395 - Elisa Serikawa
Seqüência 080 - 396 397 398 399 400 - Ana Paula Carvalho
Seqüência 081 - 401 402 403 404 405 - Elisa Serikawa
Seqüência 082
- 406 407 408 409 410 - Viviane (CL)
Seqüência 083 - 411 412 413 414 415 - Elisa Serikawa
Seqüência 084
- 416 417 418 419 420 - Sandra (Ju)
Seqüência 085 - 421 422 423 424 425 - Luiz Oliveira (CL)
Seqüência 086 - 426 427 428 429 430 - Tania Valeria
Seqüência 087 - 431 432 433 434 435 - Hermes (CL)
Seqüência 088 - 436 437 438 439 440 - Jamile (CL)
Seqüência 089 - 441 442 443 444 445 - Hermes (CL)
Seqüência 090 - 446 447 448 449 450 - Liza Cesconetto
Seqüência 091 - 451 452 453 454 455 - Liza Cesconetto
Seqüência 092 - 456 457 458 459 460 - Liza Cesconetto
Seqüência 093 - 461 462 463 464 465 - Liza Cesconetto
Seqüência 094 - 466 467 468 469 470 - Livia Scalize
Seqüência 095 - 471 472 473 474 475 - Livia Scalize
Seqüência 096 - 476 477 478 479 480 - Gisele
Seqüência 097 - 481 482 483 484 485 - Hermes (CL)
Seqüência 098 - 486 487 488 489 490 - Hermes (CL)
Seqüência 099 - 491 492 493 494 495 - Fátima Kimus
Seqüência 100 - 496 497 498 499 500 - Mozart Conti (Aurea)
Seqüência 101 - 501 502 503 504 505 - Mozart Conti (Aurea)
Seqüência 102 - 506 507 508 509 510 - Luciana Accioly (Aurea)
Seqüência 103 - 511 512 513 514 515 - Marinês Weiss (Aurea)
Seqüência 104 - 516 517 518 519 520 - Jayme * (Aurea)
Seqüência 105 - 521 522 523 524 525 - Samuel (Aurea)
Seqüência 106 - 526 527 528 529 530 - Samuel (Aurea)
Seqüência 107 - 531 532 533 534 535 - Marinês Weiss (Aurea)
Seqüência 108 - 536 537 538 539 540 - Raphael (Aurea)
Seqüência 109 - 541 542 543 544 545 - Claudia Meirelles (Aurea)
Seqüência 110 - 546 547 548 549 550 - Miguel (Aurea)
Seqüência 111 - 551 552 553 554 555 - Oliver (Aurea) *
Seqüência 112 - 556 557 558 559 560 - Oliver (Aurea) *
Seqüência 113 - 561 562 563 564 565 - Ilza (Aurea)
Seqüência 114 - 566 567 568 569 570 - Elisa Serikawa
Seqüência 115 - 571 572 573 574 575 - Vera Gomes
Seqüência 116 - 576 577 578 579 580 - A. Carrapito (Aurea)
Seqüência 117 - 581 582 583 584 585 - Janete Peternel (Aurea)
Seqüência 118 - 586 587 588 589 590 - Vera Gomes
Seqüência 119 - 591 592 593 594 595 - Vera Gomes
Seqüência 120 - 596 597 598 599 600 - Vera Gomes
Seqüência 121 - 601 602 603 604 605 - Vera Gomes
Seqüência 122 - 606 607 608 609 610 - Vera Gomes
Seqüência 123 - 611 612 613 614 615 - Andréa Olimpio
Seqüência 124 - 616 617 618 619 620 - Andréa Olimpio
Seqüência 125 - 621 622 623 624 625 - Luiz Gonzaga (Aurea)
Seqüência 126 - 626 627 628 629 630 - Hermes (CL)
Seqüência 127 - 631 632 633 634 635 - Paulla da Motta
Seqüência 128 - 636 637 638 639 640 - Vera Gomes
Seqüência 129 - 641 642 643 644 645 - Vera Gomes
Seqüência 130 - 646 647 648 649 650 - Karla Valeria
Seqüência 131 - 651 652 653 654 655 - Vera Gomes
Seqüência 132 - 656 657 658 659 660 - Cristina Santos
Seqüência 133 - 661 662 663 664 665 - Gustavo (CL)
Seqüência 134 - 666 667 668 669 670 - Tereza Senna (Ju)
Seqüência 135 - 671 672 673 674 675 - Vera Gomes
Seqüência 136 - 676 677 678 679 680 - Karla Valeria
Seqüência 137 - 681 682 683 684 685 - Ana Carolina Minsky (Ju)
Seqüência 138 - 686 687 688 689 690 - Vera Gomes
Seqüência 139 - 691 692 693 694 695 - Pampis
Seqüência 140 - 696 697 698 699 700 - Vera Gomes
Seqüência 141 - 701 702 703 704 705 - Vera Gomes
Seqüência 142 - 706 707 708 709 710 - Gisele
Seqüência 143 - 711 712 713 714 715 - Vera Gomes
Seqüência 144 - 716 717 718 719 720 - Ana Carolina Minsky (Ju)
Seqüência 145 - 721 722 723 724 725 - Nelson Doria (Ju)
Seqüência 146 - 726 727 728 729 730 - Alvinho, o Mijão
Seqüência 147 - 731 732 733 734 735 - Vera Gomes
Seqüência 148 - 736 737 738 739 740 - Thereza Moraes
Seqüência 149 - 741 742 743 744 745 - Lêda Bittencourt
Seqüência 150 - 746 747 748 749 750 - Lêda Bittencourt
Seqüência 151 - 751 752 753 754 755 - Felipe Galvão (Ju)
Seqüência 152 - 756 757 758 759 760 - Vera Gomes
Seqüência 153 - 761 762 763 764 765 - Albertina
Seqüência 154 - 766 767 768 769 770 - Lêda Bittencourt
Seqüência 155 - 771 772 773 774 775 - Zé Carlos
Seqüência 156 - 776 777 778 779 780 - Raimunda dos Santos
Seqüência 157 - 781 782 783 784 785 - Gustavo (CL)
Seqüência 158 - 786 787 788 789 790 - Vera Gomes
Seqüência 159 - 791 792 793 794 795 - Lêda Bittencourt
Seqüência 160 - 796 797 798 799 800 - Carmen Girão Ferreira
Seqüência 161 - 801 802 803 804 805 - Carmen Girão Ferreira
Seqüência 162 - 806 807 808 809 810 - Carmen Girão Ferreira
Seqüência 163 - 811 812 813 814 815 - Carmen Girão Ferreira
Seqüência 164 - 816 817 818 819 820 - Saskia Martins (Ju)
Seqüência 165 - 821 822 823 824 825 - Vera Gomes
Seqüência 166 - 826 827 828 829 830 - Paulla da Motta
Seqüência 167 - 831 832 833 834 835 - Lêda Bittencourt
Seqüência 168 - 836 837 838 839 840 - Vera Gomes
Seqüência 169 - 841 842 843 844 845 - Martha (CL)
Seqüência 170 - 846 847 848 849 850 - Viridiana
Seqüência 171 - 851 852 853 854 855 - Claudia Aljan
Seqüência 172 - 856 857 858 859 860 - Claudia Aljan
Seqüência 173 - 861 862 863 864 865 - Lêda Bittencourt
Seqüência 174 - 866 867 868 869 870 - Vera Gomes
Seqüência 175 - 871 872 873 874 875 - Vera Gomes
Seqüência 176 - 876 877 878 879 880 - Vera Gomes
Seqüência 177 - 881 882 883 884 885 - Vera Gomes
Seqüência 178 - 886 887 888 889 890 - Vera Gomes
Seqüência 179 - 891 892 893 894 895 - Vera Gomes
Seqüência 180 - 896 897 898 899 900 - Lêda Bittencourt
Seqüência 181 - 901 902 903 904 905 - Claudia Aljan
Seqüência 182 - 906 907 908 909 910 - Claudia Aljan
Seqüência 183 - 911 912 913 914 915 - Touya
Seqüência 184 - 916 917 918 919 920 - Lêda Bittencourt
Seqüência 185 - 921 922 923 924 925 - Vera Gomes
Seqüência 186 - 926 927 928 929 930 - Lêda Bittencourt
Seqüência 187 - 931 932 933 934 935 - Martha (CL)
Seqüência 188 - 936 937 938 939 940 - Lêda Bittencourt
Seqüência 189 - 941 942 943 944 945 - Lêda Bittencourt
Seqüência 190 - 946 947 948 949 950 - Tia Rô
Seqüência 191 - 951 952 953 954 955 - Lêda Bittencourt
Seqüência 192 - 956 957 958 959 960 - Eliz Lima
Seqüência 193 - 961 962 963 964 965 - Claudia Aljan
Seqüência 194 - 966 967 968 969 970 - Eliz Lima
Seqüência 195 - 971 972 973 974 975 - Claudia Aljan
Seqüência 196 - 976 977 978 979 980 - Lêda Bittencourt
Seqüência 197 - 981 982 983 984 985 - Claudia Aljan
Seqüência 198 - 986 987 988 989 990 - Paulla da Motta
Seqüência 199 - 991 992 993 994 995 - Anninha
Seqüência 200 - 996 997 998 999 000 - Lêda Bittencourt

Não foi dessa vez...

Hoje, 23 de maio, tudo de novo...
Sair de casa cedinho, ir a Copacabana buscar os gatinhos castrados e viagem à Barra da Tijuca (sim, para nós é uma viagem...) para devolvê-los ao parque e capturar mais...
Gatinhos chegando em "casa"





Estava um belo dia de sol. Pois é... e gato lá gosta de ficar no sol? Nananinanão! Havia alguns gatos perto da sala da tia Rô (quase todos castrados, menos 2 pretinhos); perto da Montanha Russa só os já castrados e os da cozinha entocados sabe-se lá onde.


Na foto, vários gatinhos já castrados... mãe e sua filhote, o outro rabudo e três pretinhas (neste local há mais dois gatos pretos não castrados...


Lá na frente, só o Júnior (que já é castrado); nada da Sandy...

Júnior é muuuito fofo, gente! Se alguém quiser adotá-lo é só falar!


Para variar, fizemos cafuné na Paty e no Júnior e ficamos circulando para lá e para cá procurando gatos inteiros.


Tentamos capturar os 2 pretinhos que estavam perto da sala da tia Rô mas não conseguimos. Um deles até ficou deitadinho ao lado da armadilha, só olhando para nossa cara...

Perto das 15:30h percebemos que não íamos conseguir, mesmo, e retornamos (super chateadas, é claro, mas, como dizia o meu pai, só podemos fazer o que podemos fazer...).

Agora, está cada vez mais complicado, pois o universo de gatos "inteiros" está menor. Mas vamos conseguir!!!!

Semana que vem tem mais e já bolamos novas estratégias. Torçam para que funcione, ok?

17 de mai de 2008

Mais gatos capturados!

Hoje, 17 de maio, mais uma empreitada...

Como a Renata faz prova para a OAB-RJ amanhã (boa prova, Renata!!!!), acabei indo sozinha.
Então, acordei cedinho e rumei para Copacabana para buscar os gatitos castrados e já recuperados.

Chegando ao vet, foi super complicado passar o gatinho do Barra Sul da jaula para a caixinha de transporte; ele mordeu 2 funcionários de lá e a caixinha ficou toda suja de sangue. Vida que segue...

Gatos nas caixinhas, eu parti rumo ao Barra Sul para soltar o gatinho de lá. E o medo de abrir a caixinha? Fui pensando, no caminho, como fazê-lo. Por fim, foi simples: abri o trinco e deixei que o próprio gato abrisse a portinha.

Próxima parada: parque - para soltar gatinha encantada. Missão cumprida...

Detalhe: de manhã, meu marido amanheceu “dodói”; por isto não teria tempo para capturar nenhum gatinho. Precisava voltar para casa logo.

Mas quando cheguei lá, a tia Ro já estava tentando capturar um (pertinho do local onde ficam Sandy e Júnior) e rapidinho ela conseguiu capturá-lo.
Gata que a tia Rô capturou com o nosso gaiolão e que foi transferido para a caixa de transporte

Eu resolvi tentar pegar um também (com pouca esperança, pois, normalmente, demoramos hooooras). Preparei a armadilha e lá veio Sandy, cheia de graça...
Mas ela é danada: se aproxima, come a comida que está perto da porta e... nada!
Uns 15 minutos se passaram e outro gatinho que estava por lá se aproximou. Aí, pensei: quem entrar vai! E não é que o pequeno entrou e... POF! Porta fechada e mais um gato capturado.


Gato melancia que eu capturei com a gatoeira. A foto está péssima; mas reparem que as listras são super diferentes, ao longo do corpo...
O resto vocês já sabem, né? Rumo a Copacabana para levá-los para castrar. Na próxima sexta-feira tem mais!!!!!

Totalizaremos 26 gatos do parque castrados (14 com o $$ da rifa) - 19 fêmeas e 7 machos além de outros 4 do Barra Sul (1 com o $$ da rifa) - 2 fêmeas e 2 machos.

10 de mai de 2008

Cocô de gato traz sorte???

Hoje (10 de maio), já recuperada da dengue, pude ir ao parque.

Havíamos combinado que, assim que fôssemos capturar gatinhos encantados, iríamos também ao Barra Sul para fazermos uma viagem só (já que é tudo na Barra da Tijuca).

Como vocês sabem, após o envenenamento que houve no Barra Sul decidimos fundir os dois projetos de castração. Afinal, são todos gatos não domiciliados, estão no mesmo bairro e era necessário conter o crescimento de ambas as colônias.

Durante o período em que eu estava de “molho” Renata e Victor, seu namorado, já haviam deixado as armadilhas lá.

Então, Renata saiu 5 h da manhã da Tijuca e foi de ônibus para o Barra Sul. Oito e meia da manhã ela me ligou dizendo já ter capturado um gato e que não conseguiria capturar mais, pois eles só circulam pelo condomínio cedinho e à noitinha. De lá ela conseguiu uma carona e partiu para o parque. Renata, duas armadilhas e um gato...


Gato capturado no Barra Sul
Cheguei no parque e já vi o gatão dentro da armadilha. Renata estava tentando capturar um gatinho com a outra armadilha.

Aqui cabe uma explicação: o parque é ENORME e a colônia é formada por micro-colônias; um grupo na administração, um na cozinha, um na montanha russa, um logo na entrada e, ao que parece, há um grupo que fica escondido (sabemos que existe, mas nunca vimos).

Voltando, então... Renata estava perto da entrada do parque tentando capturar a Sandy. O Júnior, que também fica na frente já foi castrado (estes nomes são dados pelos funcionários de lá, mesmo).

Colocamos comidinha cheirosa na armadilha e fizemos “caminho de João e Maria”. Só que Júnior nos atrapalhou o tempo todo, pois catava toda a comidinha do caminho (mas ele é fofo, gente, não dá nem para ficar chateada).

De repente, do nada, surgiu uma gatinha - pequenina que, depois de driblar o Júnior entrou na armadilha e POF! Foi enjaulada. Ficou muuuito estressada, mas cobrimos a armadilha com uma colcha e ela se acalmou um pouco.

Gatinho (a) que driblou o Júnior e entrou na armadilha

Nosso ponto central lá é a sala da administração. Então, levamos a armadilha para lá e aproveitamos para visitar a Paty (uma gatinha rabuda fofa demais que está sendo colocada para adoção) que, depois de castrada, migrou da cozinha para lá. Fizemos carinho, pegamos no colo e ela só com o motorzinho ligado.

Paty - a rabuda ronronentaDepois da pausa, como não tínhamos mais armadilhas disponíveis, pegamos um dos gaiolões e fomos tentar, de novo, pegar a Sandy...

Infelizmente, ela não entrou, mesmo; chegou na porta, comeu toda a comidinha que estava em volta e se aboletou em um tronco (onde ficou camuflada), saiu do tronco, chegou perto da gaiola... isso várias vezes. Percebemos que, desta vez, não ia dar, mesmo.

Sandy camuflada
Catamos nossas tralhas, colocamos as armadilhas dentro do carro e rumamos para Copacabana, onde as ferinhas serão castradas e farão pós-operatório até o próximo fim de semana, quando a luta continua.

Ah! Alguém sabe se cocô de gato dá sorte? Na hora em que fui colocar a gaiola no carro, fui premiadíssima. O gato do BS estava muito assustado, coitadinho! Resultado: camiseta e calça jeans devidamente carimbadas!!!

Bem, agora, totalizaremos 24 gatos do parque castrados (12 com o $$ da rifa) - 18 fêmeas e 6 machos - além de outros 4 do Barra Sul (1 com o $$ da rifa) - 2 fêmeas e 2 machos.

7 de mai de 2008

Prestação de contas da rifa

Rifa encerrada!!!!!
A rifa ainda está aberta (170 seqüências vendidas, restam 30), mas decidimos já ir prestando contas, ok?
Até hoje (23 de maio), com o dinheiro arrecadado com a rifa da colcha, já castramos 15 gatinhos.
Conforme formos fazendo mais castrações, faremos "update" neste post, mesmo.
O Dr. Marcelo (CRMV RJ 3632) tem nos ajudado muito, pois cobra um preço especial para a castração de nossos Gatos Encantados.
O valor cobrado é de R$ 50,00 para fêmeas e R$ 40,00 para machos. Este valor, além da cirurgia, inclui os dias de pós operatório com medicação e alimentação. Assim, quando os gatos voltam para o parque eles já podem ser soltos.
Abaixo, os recibos referentes às castrações:
Captura em 28/03, devolução ao parque em 04/04 - 2 fêmeas

Captura em 04/04, devolução ao parque em 12/04 - 3 fêmeas e 2 machos

Captura em 12/04, devolução ao parque em 18/04 - 1 fêmea e 1 macho

Captura em 18/04, devolução ao parque em 26/04 - 2 fêmeas

Captura em 10/05, devolução ao parque (1 fêmea) e ao Barra Sul (1 macho) em 17/05

Captura em 11/05, devolução ao parque em 23/05 - 1 fêmea e 1 macho

Resta um saldo de R$300,00 que será lançado na prestação de contas de agosto/2008.

Prestação de contas - abril/2008







1 de mai de 2008

Muitas notícias.

Essa semana foi muito corrida para mim, tanto que só agora estou tendo tempo de atualizar o blog.

Mil desculpas! Vou aproveitar para contar tudo de uma vez só.

Muita coisa aconteceu nesses dias, gente!

No dia 18 de Abril fizemos novas capturas.

Desta vez combinei com a Sônia de nos encontrarmos lá. Eu fui direito de casa, enquanto que a Sônia passou no veterinário para pegar as gatinhas que foram castradas na semana anterior.

Logo quando cheguei no parque, a tia Rô me disse que já tinha pego um gato, oba! Disse que ele estava preso dentro da gaiolinha, dentro de uma sala. Resolvi, então, esperar a Sônia para transferir o gato para a caixinha de transporte.

Ainda antes da Sônia chegar, consegui pegar uma gatinha usando o gaiolão, é a única siamesa de lá, que por sinal é muito parideira.


Quando a Sônia chegou, ficou super feliz com a notícia! Dois gatos capturados às dez da manhã. Pensamos: hoje promete! Vamos capturar muitos gatos!

Antes, porém, soltamos os gatos que a Sônia trouxe do veterinário. Vejam:




Depois fomos às capturas. Armamos as armadilhas e ficamos esperando algum gatinho entrar. Um até chegou perto, mas já era castrado. Ficamos esperando, esperando e nenhum entrou na armadilha.

As horas foram passando, passando e nada! Gente, cada vez que vamos ao parque está ficando mais difícil capturar gatos, porque os muitos já estão castrados e aqueles que ainda não foram castrados têm medo de gente e sequer chegam perto!

Depois de quase duas horas, quando já estávamos desistindo daquele ponto no parque, avistamos um gatinho. Estávamos dentro do carro, indo para outra área. Falei: Sônia, pára! Tem um gatinho aí no mato!

Paramos o carro como deu e colocamos uma armadilha perto do gato, de forma improvisada mesmo. Esperamos, esperamos e, ufa, o gatinho entrou na armadilha. Mais tarde descobrimos que trata-se de uma gatinha.

Depois dessa captura fizemos um pequeno descanso numa barraquinha do parque. Lá observamos alguns gatinhos com o corte na orelha. Um dos gatinhos se aproximou de mim e me pediu comida. Depois da castração muitos gatinhos ficaram mais dóceis, esse comeu na minha mão e eu, ainda, consegui fazer carinho.


Depois da pequena pausa, voltamos às capturas. Tentamos por mais algum tempo, mas não conseguimos pegar mais nenhum gato.

Resolvemos, então, que era hora de irmos embora. Assim, fomos transferir para a caixinha o gatinho que a tia Rô capturou. Gente, qual não foi a nossa surpresa ao chegarmos na sala aonde a tia Rô deixou a gaiola e a encontrarmos vazia?!? Como assim?

A tia Rô disse que amarrou bastante a gaiola, e, de fato, a gaiola estava bem amarradinha. Mas cadê o gato? Não sabemos o que aconteceu, não sabemos se o gato fugiu, como ele figiu, ou se alguém o ajudou a fugir. Só sabemos que a gaiola estava lá amarradinha e sem nenhum gatinho dentro.

Tadinha, a tia Rô estava toda feliz que tinha pego um gato! Nós também ficamos desanimadas, mas nada podia mais ser feito. Há coisas que acontecem naquele parque que ninguém sabe explicar...

Por fim, levamos para o veterinário só dois gatinhos mesmo, aliás, duas gatinhas.

Dias depois a Sônia ficou doente, ela pegou dengue. E confesso para vocês que eu acho que foi lá no parque mesmo porque lá tem muito mosquito e nós fomos piadas diversas vezes. Por algum milagre de Deus eu não fiquei doente.

Com a Sônia doente e a Ângela com viagem marcada, só restava para mim a tafera de buscar as gatinhas no veterinário. Mas como? Eu não sei dirigir, não tenho carro e para piorar estava em provas na Faculdade, atrasada em minha monografia e ainda por cima, a semana foi reduzida por conta dos feriados e não tinha como eu faltar ao trabalho! Mas como para cada desafio, Deus nós dá uma solução, recebi um apoio muito importante nesse momento. Meu namorado se ofereceu para buscar as gatinhas no veterinário. Assim, nosso programa de sábado foi levar as gatinhas de volta para o parque.

Devido a tantos problemas, não pudemos fazer novas capturas. A Sônia ainda está se recuperando da dengue e precisará de mais alguns dias de descanso.

Eu também estou precisando de alguns dias para estudar e dar um rumo à minha monografia. Mas como fazemos sempre o possível e o impossível para ajudarmos esses gatinhos, na outra semana deveremos retornar as castrações.

Até lá, então.

Antes que eu me esqueça: precisamos fechar logo a rifa, porque só teremos dinheiro para castrar mais quatro gatinhos. Vamos ajudar, gente! O sucesso desse projeto depende da participação de vocês.

Renata Márcia

Com mais esses dois gatinhos, chegamos ao número de VINTE E TRÊS Gatos Encantados castrados (17 fêmeas e 6 machos). Castramos, também, duas fêmeas e 1 macho capturados no Barra Sul.