23 de jul de 2012

Gatos Encantados – Muitas coisas pra contar...

Sábado, 14/07, fomos ao Parque.

Como vimos o Gatão Cinza e Branco na última vez que fomos lá, estávamos cheias de esperanças de capturá-lo.

Mas, de novo, não vimos nem sombra dele.

O Gatão não mora só no Parque. Decididamente, é um gato sem moradia fixa. Ele circula por todos os espaços possíveis e imagináveis e isso dificulta demais a captura dele.

Estamos pensando muito sobre o que fazer...

Os gansos continuam por lá. E, quando percebem a nossa presença, começam a grasnar muito alto e vêm em nossa direção para ganhar petiscos.

É a única coisa que nos traz alguma alegria no Parque.

Eles, os gansos

Mas, durante a semana, recebemos um telefonema sobre a captura de um gato no Parque.

Um segurança conseguiu pegar um gato, super manso, e prender numa sala da administração.

Como sabemos que dois gatos do condomínio em frente foram jogados lá por um morador imbecil, visto que os gatos desse condomínio estão sendo super bem cuidados, castrados e alimentados, achamos que se trataria de um deles.

A menina que cuida dos gatos do condomínio foi avisada e correu para o Parque para resgatar o gatinho, que poderia ser o de lá...

Para surpresa de todos, não era um dos gatos do condomínio!

Tratava-se de um lindo sialatão, peludo e super manso... totalmente desconhecido de todos!
Aí, Sônia e eu decidimos assumir o Sialatão.

A menina do condomínio trouxe o gatão para a clínica, em Copacabana (Muito obrigada!!!! Do fundo do coração!) e ele ficou internado para ser castrado e pensarmos o que poderíamos fazer com esse bichano.

Bem... decidimos testá-lo para FIV e FeLV... e deu NEGATIVO!!!!!

Então, ele está para ADOÇÃO! Já está castrado, vacinado, vermifugado e sem pulgas!

É um gato super dócil, carinhoso e AMA receber afagos na cabeça! É o tipo de gatinho que dá cabeçadas nas mãos da gente, além de ser um lindíssimo animal!

Por favor, ajudem-nos a divulgar esse gatão lindo. Ele deve ter cerca de um ano, segundo o veterinário, e precisamos, com urgência, arranjar uma família que o ame e que ele possa amar.

Lindo e doce Sialatão


Bem... como todos já devem ter lido na postagem anterior, na quinta-feira, dia 19/07, perdemos o Patynho.

Nosso “croquetinho” foi fazer companhia para a Sophie, e todos os outros Encantadinhos, para construir a Terra dos Gatos Encantados em outra dimensão, onde nos encontraremos um dia.

A vida só valerá a pena se isso for verdade. Se, um dia, reencontrarmos todos os animais que fizeram parte de nossas vidas.

Meu pai dizia que, para podermos enfrentar as mazelas da vida, deveríamos nos inspirar no BAMBÚ, que enverga, mas não quebra.

A dor dessas perdas nos faz encostar no chão. Envergamos, mas não quebramos. Estamos nos esforçando para aprender a ser como os Bambus.

AQUI VOU COLOCAR UMA FOTO DO PATYNHO, MAS HOJE AINDA NÃO CONSIGO


E, no sábado, dia 21/07, fomos para a Terra dos Gatos Encantados.

Passamos na loja da estrada onde deixamos os gatinhos que castramos para vê-los e os vimos!

Levamos um petisco pra eles e lá estavam: Mamãe e filhote loirinhos... Muito lindos!

Ficamos tranqüilas. Eles estão bem e, na medida do possível, protegidos pelos funcionários.

A caixinha que deixamos para eles dormirem estava no mesmo lugar que deixamos. No meio da escada, em lugar fechado e bem protegido.

Potes de comida e água num lugar não tão exposto como era antes.

E os funcionários nos dando relatórios sobre o quanto eles estão bem...
Foi bom!

Os loirinhos da loja que fica no Caminho Encantado já castrados e de volta ao local de origem

Na loja, compramos "apetrechos" para um pic-nic com os Gatos Encantados! Pães, queijos, refrigerantes...

Decidimos que sempre faremos isso. Passaremos o máximo de tempo possível junto com os Encantadinhos.

Fazíamos pic-nic no Parque e resolvemos retomar esse hábito. É bom demais ficar sentada no chão com os gatos em volta.

Assim que chegamos, fomos rapidamente fazer a faxina, com a ajuda da Alice, claro, que é super rápida, mas cuidadosa com os gatos. Uma ajuda e tanto!

Já na chegada, Benvindo e Cabeção "in love"

Até porque, eu estou com uma baita labirintite e nem pude ajudar muito.
Por isso, consegui fazer um monte de fotos, já que fiquei apenas de expectadora...
Acho que estou ficando velha mesmo!

Sônia comprou três caixas pretas imensas, de plástico com tampa dupla e colocamos elas na varanda do cafofo da frente.

Não demorou nem um pouquinho para os gatos descobrirem que será um novo tipo de abrigo quentinho!

Tricolor Esmaecida dentro da caixa nova

Mamãe da Filhota e sua amiga Pançola

Nas cestinhas

Enquanto a gente limpa eles fazem bagunça

Cenas bonitas de se ver (meio fora de ordem):

Sialatona nunca esteve tão linda - acreditamos que ela tem mais que 6 anos!

Tricolor Esmaecida se esqueirando


Linda Irmã descansando


Mamãe da Filhota pegando um solzinho


Gooordo parecendo uma pantera

"Crianças" pegando uma sombra

Cestinhas sendo usadas


TB... ou será o Leôncio (ex Melancia 2)??? (É o Leôncio, Sônia...)

Imagem perfeita


Hora do banquetinho

Noêmia agarrando a Sandy

Mimamos os gatos que se deixam mimar e, como Noêmia sempre cuida muito bem da gente também, fomos almoçar. Vocês não têm idéia do quanto a comida da Noêmia é gostosa
Conversamos um pouco sobre o Patynho... Choramos juntas. Impossível ser diferente, né?

Noêmia sempre tão atenta aos gatos, tão dedicada...

Apesar dela saber que nunca a deixaremos sozinha, ficamos tristes por ela ter passado por isso sem estarmos fisicamente ao lado dela.

Sabemos bem como isso é doloroso e não queríamos, jamais, vê-la tão triste.

Mas vamos seguir em frente.

Ainda estamos curvadas, porque envergamos... Mas, repetindo, somos como os Bambus. Voltaremos a nos erguer.

De tardinha, voltamos para o Gatil. Nós três! Eu, Noêmia e Sônia, para fazermos um pic-nic com os Gatos Encantados.

Um final de tarde lindo. Sol, um calorzinho na medida certa e os gatos espalhados pelo pátio, assim como nós. Sentadas pelo chão, cercadas de gatos por todos os lados!

Os gatos de sempre, ao redor, ou, literalmente, em cima da gente!

Adivinhem que ficou flertando com a minha bolsa nova? Isso mesmo! FILHOTA!

Filhota e a bolsa... de novo!!!!!!!!!


Mas quem tirou uma casquinha da bolsa foi o Cabeção. Ficou um tempão deitado em cima da bolsa!

Cabeção e a bolsa

Mas não vou mais cair nessa! Dei a outra bolsa para a Filhota e ela só ligou no primeiro dia. Depois virou um “xixódromo” de todos os gatos. E a bolsa foi pro lixo!

Só poderão aproveitar a minha bolsa quando eu estiver junto!

Durante o nosso pic-nic, os gatos puderam roubar pedacinhos de rosbife, queijo, um pouquinho de pão... Tudo foi permitido!

"Crianças" roubando o lanche


Ganharam colo, carinhos... Foi um final de tarde tão bom...

Cabeção subiu logo no colo...

... se aboletou...

... e deu mordiscadas suaves

Apesar de dois pedaços dos nossos corações terem sido arrancados, tivemos momentos muito bons com os nossos Encantadinhos. Foi como um carinho que recebemos. Um alento!

Claro que os gatos que não chegam perto da gente, continuaram a não chegar perto da gente.
Mas ficam super à vontade com a Noêmia.

Cor-de-Rosa


Cor-de-Rosa e uma mão. Adivinhem de quem é a mão? Da Noêmia, óbvio!!!!!!!!!

Sônia perseguiu o pobre Rauuul feito louca. Como “perdoar” o dengo com a Noêmia, né? Mas não teve jeito! Rauuul não deu a menor bola pra mim ou pra Sônia.

E chegou a hora do banho!!!!!!!!!!!!!!!!!!!




Já eram umas oito e meia da noite quando fomos embora. No meio da viagem, Noêmia nos comunicou que o Rauuul já tinha saído da toca!

E hoje, Noêmia mandou um filme do Rauuul... todo dengoso, de barriguinha pra cima, fazendo graça...

Rauuul!!!!!!!!!!!!!!!

Isso nos deixa felizes! Saber que ele é feliz com a Noêmia, que confia nela, é muito bom!

Bem... nem vou falar sobre cada um dos gatos. As fotos falam por si!

Eles estão lindos... Gordinhos, com pelagem brilhante... E protegidos.

Patynho, meu amor, nunca vamos esquecê-lo.
Até breve, meu “croquetinho” amado.

4 comentários:

iara bretas disse...

Todos lindos, muito lindos !!!

Sônia Schmidt disse...

Que continuem assim por muito tempo, Iara!!!!!

Márcio Jeronymo disse...

O Raul é apaixonado pela Noemia! Que gracinha!

Josi Saldanha disse...

Parabéns, meninas.
Lamento pelo pequenino que se foi, mas infelizmente, temos que passar por isso. Força pra vocês!
Bjs