23 de abr de 2011

Gatos Encantados – O Pecado da GULA!

Hoje, 23/04/11, fomos ao Parque.

Um dia de outono pra lá de quente, e lá fomos nós: Eu, Sônia e Noêmia (nossa terceira “mosqueteira”).

Fomos, primeiro, para a Cidade Fantasma, onde guardamos nossos apetrechos.

O Cafofo já estava meio sujo! Constatamos o fato que gatos de colônia não são tão limpinhos como os de casa! rsrs

O consumo de ração foi parecido com o da semana passada. Menor que o de costume.

A Cor-de-Rosa não apareceu hoje. Noêmia andou por todos os cantos chamando por ela e nada.

Limpamos o Cafofo, reabastecemos o comedouro e partimos para o Parque.

Logo na chegada, fomos ver os minúsculos bebês. Como são pequeninos. É de cortar o coração deixá-los lá, mas não temos onde colocá-los.

Os bebês de longe. Eles moram embaixo dessas pedras...

Alguém se habilita a fazer um Lar Temporário pra eles até a castração? Acho que seria por uns 3 ou 4 meses...

São dois pretinhos lindíssimos e um tigradinho absolutamente encantador. São realmente muito pequenininhos e seria um sonho que eles pudessem ficar num lugar seguro.

Bem... colocamos dois pacotinhos de Whiskas Sache, que eles devoraram, e fomos ver os outros gatos.

No caminho para o Reduto, claro que fizemos, de novo, a brincadeira de chamar o Bebê em frente a favelinha... E um novo coro se fez: “Tá engordando!!! Tá engordando!!!”

Abrindo parênteses:
Sexta-feira, fui visitar o Bebê! Coisa mais linda do mundo!
Está gordo! Eu não conseguiria mais dar longas caronas para ele de colo. Ele está super pesado!
Brincalhão, entra embaixo da caminha, como uma tartaruga, e anda “coberto” pela sala! Adora brincar com o ratinho de brinquedo...
E o que mais me deixou emocionada: Quando cheguei, ele estava dormindo... e eu chamei “Bebêêêê!!!”... e ele levantou a cabecinha, com o olhar esperto e olhou dentro dos meus olhos... Ele LEMBROU de mim!!!!!
Fechando parênteses.

Nossa chegada ao Reduto foi uma graça! Todos os gatos correram ao encontro do carro!

Patynho correu e se jogou no chão, rolando de um lado para o outro, demonstrando tanta alegria que nos emocionou!

Mas todos vieram!

Filhota, Mamãe da Filhota, Pancinha, Sophie, Gooordo, Sialatinha (indo na direção oposta, claro), Linda Irmã e até o Pretinho que só come ração seca chegou depressa.

Olhando melhor, vimos a TRAIRINHA também!

Como Noêmia acostumou eles muito mal, levando franguinho cru e cozido, mal conseguimos encostar o carro, começou a miadeira.

Até a Sialatinha miou hoje!

Noêmia foi preparar os potinhos com franguinho e, de repente, foi literalmente “atacada” por todos os gatos. Filhota e Sophie, abusadas como só elas, entraram no carro enquanto ela ainda preparava os potinhos!

Filhota da Mamãe e Sophie são impossíveis!!!

Corri pra preparar o Banquete, numa tentativa de aliviar a “pressão” em cima da Noêmia... rsrsrs

Filhota, que já tinha roubado muitos pedaços de frango, veio me “ajudar” na tarefa.

Trairinha, como sempre, implicando com os gatos... Foi uma loucura!

Tentando acalmar os ânimos por causa da implicância da Trairinha


Os gatos se fartaram de tanto comer. E olha que o comedouro estava cheio quando chegamos! Não era fome! Era o Pecado da Gula em sua mais plena exposição!

Ataque ao banquete 1
Ataque ao banquete 2
Sialatona

De repente, o outro Tigradinho do Quiosque entrou no Reduto! Foi a primeira vez que o vimos ali! Ele comeu um pouquinho de ração seca e ficou nos esperando...

Visita inesperada do ouro Tigradinho do Quiosque

Preparei rapidamente o Banquete da Colônia Tigrada e fomos para lá.

Noêmia foi na frente, levando os franguinhos... e quase foi atacada lá também!

Corri para servir o Banquete, antes que os gatos se estranhassem... rsrs

Nunca ficaram tão pertinho de mim. O Pecado da Gula também reinou ali.

Sete Tigrados beeeem pertinho!
São os mais gordinhos do parque... vejam que lindo!!!
Não é uma gostosura esse Tigrado?

Trairinha comeu de novo e ainda implicou com todos os outros gatos! Ela parece ser uma gatinha “criadora de caso”. Bem barraqueira, viu?

Ficamos muito felizes! Pois eram SETE gatos na Colônia Tigrada hoje!
Todos gordinhos e muito lindos!

Depois de comerem bastante, ficaram por perto, tomando banho, cochilando, nos observando... Não fugiram da gente!

Ficamos um pouquinho ali e voltamos para o Reduto.

Na hora do nosso lanche (estava uma delícia, Noêmia!!!), os gatos, que já se acostumaram com esse momento, se aproximaram de nós.

Sophie, descaradamente, atacou o sanduíche da Sônia!

Filhota, Mamãe da Filhota, Patynho, Pacinha e Gooordo são mais educadinhos. Esperam que a gente dê pedacinhos dos nossos sandubas! E são muitos pedacinhos.. quase a metade do sanduba!

Até a Sialatinha, o que nos deixou boquiabertas, ficou por ali, na rebarba dos petiscos extras!

Ainda ganharam DOIS whiskas Sachê, que achávamos que não ia fazer o menor sucesso, mas foi devorado! Principalmente pela Sophie, que é um poço sem fundo no quesito comida!

Filhota matou as saudades da minha bolsa (e olha que lavei a bolsa na sexta-feira! Estava limpinha!).

Depois do Pecado da Gula, surgiu o Pecado da Preguiça... Todos ficaram por perto, cochilando em poses fantásticas, que só os gatos sabem fazer!

Todos morcegando... Goordo...

Pançola

Filhota da Mamãe (em pose fofa)
Mamãe da Filhota quase morcegando
Sophie
Pançola, Filhota e, embaixo do carro (na sombra), a Sialatinha

Sialatinha cochilou embaixo do carro! Isso foi a grande novidade do dia!

Enquanto todos “lagarteavam”, preparamos o Banquete dos gatos da Frente do Parque.

E chegou a hora de irmos embora... As vezes, até sentimos vontade de ficar lá...
Um silêncio e uma paz inenarráveis. Uma sensação de que o mundo inteiro cabe ali, naquela paz, com os gatos dormindo em volta da gente... pássaros cantando, barulho de vento nas folhas das árvores... Um mundo perfeito!

Mas, a vida real é outra, né? E nos despedimos dos gatos com um nó na garganta!

No caminho para a Frente do Parque, Noêmia avistou um gato!

Um gato vaquinha de pelo curto, com manto branco e poucas bolas pretas... que eu e Sônia, por mais que nos esforçássemos, não conseguíamos lembrar dele.

Tentamos fotografá-lo, mas ele foi mais rápido que nós e correu entre os matinhos.
Cheguei em casa e fui correndo ver todas as postagens e fotos dos gatos que já vimos lá (e Sônia também)... Nenhum se parece com ele!

Então, mais um gato que teremos que capturar...

Continuamos nosso caminho... Antes de levarmos o Banquete dos gatos da Frente do Parque, demos uma paradinha onde ficam os Bebês... e colocamos mais um sachêzinho para eles.

Na Frente do Parque, vimos as meninas: a Gordinha, Pio, Sandy e Melancia no Clube da Luluzinha. Mas elas nunca deixam a gente chegar perto o suficiente para fotografá-las!

Sandy láááá em cima!
Gordinha e Melancia (dando linha à pipa)
Melancia

No Clube do Bolinha, só vimos o Júnior e o Cabeção. O Branquinho não apareceu, mas o segurança disse que ele estava brincando por ali o dia todo!
Estamos morrendo de saudade do Branquinho! Já é a segunda semana que ele não nos dá bola!

Júnior e Cabeção

Servimos um super Banquete para eles... Com direito a franguinho cru e cozido para os dois “Clubes”.

Quando estávamos indo embora, ainda consegui ver o gatão cinza e branco que ainda não foi castrado. Mas o dia dele está chegando!

Voltamos para o carro e ainda demos mais um sachêzinho para os Bebês... Vocês não têm idéia do quanto são mínimos, bonitinhos e GULOSOS!

E esse foi o nosso Dia Encantado.

17 de abr de 2011

Gatos Encantados – Lata D’Água na Cabeça...

Hoje, 17/04/11, fomos ao Parque!

Eu, Sônia e Noêmia. Com o firme propósito de realizar a Cerimônia de Lavagem do Cafofo!

Um lindo dia de sol e muito claro é sempre propício para se “brincar” com água, né? Mesmo que seja pra carregar dezenas de baldes de água... sempre respinga um pouquinho na gente pra refrescar... rsrs

Chegamos na Cidade Fantasma e fomos logo esvaziando o Cafofo. O consumo de ração foi um pouco menor que o costume. Mas, como não sabemos quantos gatos se alimentam ali, nada mais nos causa espanto.

Assim que chegamos, Noêmia chamou pela Cor-de-Rosa... que prontamente atendeu ao chamado! Ganhou 2 sachês e água fresquinha e depois ganhou uma pote de Three Cats! Uma gatinha gulosa!

Noêmia chamando a Cor-de-Rosa
E ela é boba de não atender?

Cafofo esvaziado, varremos tudo e começamos a Cerimônia de Lavagem propriamente dita.

Enquanto o fornecimento de baldes de água ficava por minha conta, Sônia e Noêmia atacaram a sujeira com as vassouras.

E a Lata D’Água na Cabeça foi cantada por nós...

Lata d'água na cabeça, Lá vai Maria. Lá vai Maria
Sobe o morro e não se cansa
Pela mão leva a criança... lá vai Maria

Acho que fiz umas 30 viagens carregando o baldes cheios de água... rsrs
Aliás, está sendo bastante difícil digitar esse texto! Meus braços pesam uma tonelada cada!!! rs

De vez em quando, Noêmia “conversava” com a Cor-de-Rosa. E não é que ela responde??

Cor-de-Rosa ficou o tempo todo deitadinha na sombra de um arbusto, assistindo a gente trabalhar. A gatinha está linda! Gordinha, pelagem brilhante e farta...

Cor-de-Rosa "supervisionando" a lavagem do cafofo


Lava, lava...
Esfrega, esfrega, xuá, xuá!!!!!!!!!!!!!
Calor!!!!!!!!!!!!!

Bem... Cafofo limpíssimo, comedouro abastecido, água limpinha no bebedouro, juntamos nossas coisas e partimos para o Parque.

Cafofo lavado... ufa!!!!!!!!!

Essa semana, o nosso Anjo da Guarda, Gilson, nos avisou que tinham aparecido três gatinhos filhotes perto da Frente do Parque e estávamos ansiosas para saber como eram e tentar adivinhar quem seria a mãe deles.

Seria a Escaminha? Mas ela não levaria os filhotes para essa parte do Parque...

Enfim... Assim que chegamos, pedimos para o segurança nos mostrar onde estavam os bebês... e os vimos!

Primeiro, um tigradinho mínimo... depois um pretinho minúsculo... e depois, um pretinho menorzinho ainda e mais assustadinho.

Um bebê
Dois bebês
Três bebês

Nenhuma gata-mãe por perto... Estranhamos muito, mas não vamos deixar de cuidar desses bebês até a idade de serem castrados.

Vamos tentar fazer amizade com eles pra facilitar a captura. E, para isso, servimos DOIS sachêzinhos, que foram devorados rapidamente e colocamos um comedouro perto de onde eles se escondem.

É de cortar o coração ver três gatinhos tão minúsculos já abandonados. Tão indefesos... Os olhos ardem, o coração aperta... Dá uma vontade sem tamanho de pegar no colo, proteger, consolar, acalentar... Mas não temos onde colocá-los e, com o coração partido, os deixamos lá... Não estão na rua e têm abrigo e comidinha...

Demos uma passadinha rápida na Frente do Parque para colocar ração emergencial nos comedouros.

Mas alguma coisa estava diferente...

O Cinza e Branco ainda não castrado estava lá e não fugiu...

O Cinza e Branco não fugiu (ser´que ele é pai da Linda Irmã?)

Uma gata tigrada que não era vista há uns dois anos, também estava lá e não fugiu...

Gata Tigrada que há muuuuio tempo não víamos... não fugiu, no começo, depois fugiu hehe

Sandy estava lá e não fugiu...

Sandy (que não fugiu), Júnior (que invadiu a área das meninas) e Melancia

Melancia estava lá e não fugiu...

Melancia também não fugiu

Pio estava lá e... fugiu!
Mas vimos o Junior e o Cabeção por ali também. O Branquinho só foi visto pelo segurança.

Júnior e Cabeção

Colocamos ração nos comedouros e deixamos o Banquete para o “segundo tempo”. E fomos para o Reduto.

No caminho, chamamos pelo Bebê, em frente à Favelinha. Claro que cada dia temos um coro novo. Pois Noêmia sempre vai nos contando as estrepulias do Bebê durante a ida para o Parque.

A chegada no Reduto é sempre muito festejada pelos gatos. Todos que estão por ali, vêm correndo ao encontro do carro e a gente tem que saltar do carro para tirá-los da frente!

Assim que paramos o carro, foi uma correria de gatos! Todos chegaram!

Filhota, Mamãe da Filhota, Patynho, Linda Irmã, Gooordo, Sialatinha, Sialatona, Pancinha, Pretinho que só come ração seca e a Absoluta Sophie...

Mamãe da Filhota

Pretinho que só come ração seca
Patynho
Sophie e Gooordo
Gooordo dormindo
Linda Irmã
Sialatinha
Filhota e Patynho

Noêmia levou carne crua e frango cru para eles! A farra foi grande e quase atacaram a Noêmia. Ela me pediu “socorrooooo!!!” e tudo.

Corri pra fazer o Banquete, pra ajudar no controle do pecado da GULA.

Banquete


Sialatona

Filhota sempre "ajudando" a preparar o banquete
E sempre "namorando" a bolsa da Angela
Filhota se aventurando por outras bolsas

Preparamos o Banquete dos gatos da Colônia Tigrada e fomos levar... Também ganharam carne crua e franguinho cru! Eles AMAM esse petisco!

Hoje, sentimos falta da companhia da Trairinha. Ela não apareceu pra gente.
(Trairinha querida, ficamos tristes por não vê-la hoje!).

Na Colônia Tigrada só apareceram três gatos na hora que chegamos. Mas, aos poucos, outros gatos foram se aproximando e a Narizinho APARECEU!!!!!
Cinco gatos participaram do banquete de hoje.

Noêmia ganhando a confiança dos Tigrados
Narizinho

Resolvi ir até o quiosque, onde a Trairinha vivia, para dar uma olhada se ela não estaria por lá. Vi um gato tigrado sair se esgueirando pelos canteiros e fui seguindo ele... Ele subiu pela entrada de um dos brinquedos desativados e consegui fazer uma foto. Para minha surpresa, quando passei a foto para o PC, ampliei a foto e vi um segundo gato na foto!
Ele estava deitado perto dos carrinhos do brinquedo e eu, tentando identificar o gato fujão, não vi o outro!
Mas nada de Trairinha...

Cliquem na foto... dá para ver os dois gatos
Um deles mais de perto


Voltamos para o Reduto e fomos cuidar de comer o Banquete que a Noêmia sempre leva pra gente!

Quer dizer... socializar o nosso banquete, né? Pois não comemos sozinhas. Tudo o que comemos é dividido irmamente com a Filhota, Mamãe da Filhota, Patynho, Gooordo, Sophie... e hoje, até a Sialatinha, Pancinha e o Pretinho que só come ração seca tiraram uma casquinha!

Hora de ir embora. Hora triste.

Mas ainda tínhamos que levar o banquete dos Gatos da Frente do Parque e tentar dar outra olhadinha nos Bebês da Entrada.

E juntamos nossas tralhas para ir embora.

Eu já não olho mais para trás. E acho que a Sônia também... Mas Noêmia olha e, certamente, o coração dela dói mais que o nosso nessa hora.
Eu sempre me despeço pedindo que eles não se metam em encrencas até a nossa próxima visita e espero que eles obedeçam!

Na Frente do Parque, colocamos Banquete para todos! Clube da Luluzinha e Clube do Bolinha.

O Branquinho tinha acabado de sair dali e não o vimos! Como é surdo, nem adianta chamar... Mas todos os outros estavam lá!

A tigrada que não era vista há dois anos já tinha “dado linha na pipa” e o cinza e branco não castrado também.

Mas todos os outros estavam por lá.

Voltamos para o cantinho dos Bebês... mas eles já estavam bem escondidinhos... de barriguinha cheia, foram fazer a sesta.

Hoje foi um dia de grandes surpresas. Vimos gatos que não víamos há anos, os gatos não fugiram da gente (só a Pio...) e não vimos alguns que vemos sempre.

É a nossa montanha russa de emoções de todos os finais de semana.

Mas o saldo sempre é positivo!!!